Os alimentos são agrupados de acordo com a função dos nutrientes do quais fazem parte. Por isso cada alimento está agrupado e dividido em energético, regulador e construtor. Além disso, a pirâmide alimentar também está dividida de acordo com grupos que serão vistos a seguir.

Alimentos Energéticos: carboidratos e gorduras;

Alimentos Reguladores: vegetais e frutas (são alimentos ricos em vitaminas, minerais, fibras e água);

Alimentos Construtores: laticínios, carnes, ovos e grãos (são alimentos ricos em proteínas).

É essencial na alimentação adicionar à refeição, no mínimo, um alimento de cada grupo, para que sejam atendidas as necessidades de nutrientes adequados para cada pessoa.

Saiba Mais: Nutrientes X Alimentos

Nutrientes: são substâncias presentes nos alimentos responsáveis por desempenharem papéis importantes no corpo humano. São classificados como nutrientes: carboidratos, proteínas, lipídios, água, fibras, minerais e vitaminas.

Alimentos: são os produtos comestíveis naturais ou criados pela indústria que armazenam os nutrientes e, portanto, são o combustível para o ser humano. Ex.: milho, carne, banana, leite, manteiga, ovos, etc.

Alimentos Energéticos

MacarrãoOs alimentos energéticos são ricos em açúcares, carboidratos e gorduras. Esses elementos são os maiores fornecedores de energia para o corpo. Por isso, tudo que está contido neles (pães, massas, arroz, milhos, doces e frutas) são essenciais na dieta dos indivíduos. São nesses alimentos que encontra-se o combustível do qual necessitam.

No entanto, é preciso vigiar a dieta, não é recomendado abusar desses alimentos. Prefira, por exemplo, o açúcar das frutas e do leite (a frutose e a lactose) em vez dos chocolates e balas. O amido presente na batata, milho e mandioca são mais saudáveis que o carboidrato do macarrão industrializado, por exemplo, e as gorduras das castanhas, nozes e azeite de oliva não prejudicam a saúde como as frituras.

É importante optar pelo mais saudável, porque quando existe o abuso desses alimentos gordurosos e doces, a chance de desenvolver doenças como a obesidade e colesterol alto é muito grande, podem também contribuir para problemas ainda piores como a diabetes. Portanto, esses alimentos devem ser consumidos em menor quantidade ou evitados, tais como balas, chocolates, margarina, óleos, etc. Eles também são conhecidos como extra energéticos.

Alimentos Reguladores

Frutas Alimentos ReguladoresSão os alimentos responsáveis por regular as atividades do organismo. São eles: as frutas, cereais, verduras e legumes. Contendo vitaminas, fibras, sais minerais e outras substâncias, eles fortalecem o sistema imunológico (prevenindo doenças), regulam as atividades do intestino e purificam o sangue. Isto é, mantém todo o corpo em ordem.

A falta desses alimentos na dieta pode provocar avitaminose, carência de vitaminas no sangue. As consequências podem ser variadas, como secura nos olhos, raquitismo, gengivite, anemia perniciosa, descamação da pele, memória fraca, falta de apetite e enfraquecimento de cabelos e unhas, causando a queda de cabelo, entre outras. Já quando há deficiência de fibras, a digestão fica prejudicada, provocando prisão de ventre e dores abdominais.

Os sais minerais, por sua vez, presentes também nos laticínios, são de extrema importância na regulagem do organismo. O sódio, o potássio e o cloro são responsáveis por equilibrar a distribuição da água no corpo e ajudam na contração e força muscular. Há, ainda, o ferro, de extrema importância porque auxilia a oxigenação. As principais fontes de ferro são: as carnes, os grãos como feijão e lentilha e as hortaliças verde-escuras.

Alimentos Construtores 

Carne RefeiçãoSão os mais importantes para as crianças, pois são eles que ajudam no seu desenvolvimento muscular e ósseo. As proteínas contidas nas carnes, ovos, leite e derivados, como também nas leguminosas são as responsáveis por suprir o organismo e formar suas estruturas.

As proteínas funcionam como matéria-prima na formação de células do sangue (glóbulos vermelhos), dos cabelos e unhas. São responsáveis pelo crescimento do corpo, ajudam a prevenir doenças, contribuem para cicatrização de ferimentos e estão presentes na formação dos hormônios.

Esses alimentos não podem faltar na dieta das crianças. Devem estar sempre presentes, pois são eles que contribuem para o crescimento e desenvolvimento do corpo. Tanto as proteínas animais, quanto as vegetais possuem esse papel até a fase adulta. Depois são essenciais para regularização do funcionamento de todo corpo.

Grupos Alimentares da Pirâmide dos Alimentos

Grupo dos Carboidratos

Pães

Fazem parte desse grupo: arroz, pães, massas, mandioca e batata. Esses alimentos são a base da pirâmide alimentar e a maior fonte de energia para o corpo. Estão inclusos aqui a glicose, a sacarose, a maltose e o amido, que constituem os principais elementos dos alimentos ricos em carboidratos.

Alguns alimentos que fazem parte do grupo podem ser encontrados nas formas integrais ou refinados, sendo os integrais ricos por preservarem muitos nutrientes. No mercado, existem produtos nessa versão tais como arroz, farinha, macarrão, biscoitos, etc.

Grupo das Verduras e Legumes

Verduras LegumesEsses alimentos possuem os componentes essenciais para o bom funcionamento do organismo: ferro, fibras, sais minerais e vitaminas. Eles ajudam a regular o funcionamento do corpo e contribuem com muitos benefícios à saúde.

As folhagens, por exemplo, possuem clorofila, elemento que oxigena e limpa o sangue. Sua ingestão pode prevenir a anemia, pois também há presença de ácido-fólico e fósforo. Os legumes amarelo-alaranjados e vermelhos como a cenoura, a abóbora e a beterraba ajudam a tonificar a pele, são antioxidantes (retardam o envelhecimento) e previnem uma infinidade de cânceres.

Grupo das Frutas

Frutas DecoradasAs frutas possuem várias vitaminas e substâncias que trazem diversos benefícios para o organismo de quem as consome. A mais conhecida é a vitamina C, presente na laranja, no limão e na acerola. Ela é antioxidante e previne resfriados e gripes.

Outras frutas têm o poder de desintoxicar o sangue e diminuir o nível de colesterol, como é o caso do melão, da uva e do abacaxi. Existem, ainda, aquelas que atuam como laxante, auxiliando na limpeza do intestino. São elas: a manga, o kiwi e o mamão.

Grupo das Carnes e Ovos

ovosEsse grupo é o dos alimentos construtores. A grande quantidade de proteínas ajuda na formação e crescimento do corpo das crianças até a fase adulta. São alimentos como carnes, ovos e peixes que auxiliam na estrutura óssea, formação de tecidos do cérebro, dos músculos, de diversos órgãos e da pele.

Na fase adulta, o consumo equilibrado desse tipo de comida pode ajudar a manter a saúde do corpo, no fortalecimento de ossos e músculos e na cicatrização de eventuais ferimentos.

Mas quando a dieta é pobre de proteína pode acarretar baixa estatura nas crianças, fraqueza muscular, anemia, deficiência hormonal e baixa defesa contra diversas infecções.

Grupo dos Feijões e Oleaginosas

Fazem parte desse grupo alimentos como feijão, lentilha, amendoim, grão-de-bico, nozes, castanhas, etc. Esse alimentos possuem proteínas vegetais. As oleaginosas, como o amendoim, são alimentos com alto valor energético, porém, auxiliam na redução dos níveis de colesterol ruim, por serem formados por gorduras boas. O feijão é um dos itens mais populares do grupo e fornece ao corpo potássio, ferro e vitaminas do complexo B.

Grupo dos Laticínios (Leites e Derivados) 

Jarra Leite

Nesse grupo temos o leite e todos os seus derivados, como iogurtes, coalhadas e queijos. Esses alimentos são ricos em minerais e proteínas, auxiliam na formação dos tecidos musculares, ósseos e nervosos.

O leite é uma importante fonte de cálcio e fósforo, que ajudam a manter a integridade dos ossos, além de contribuir com a vitamina B12 e com gorduras e açúcares, que dão muita energia.

Toda criança precisa ter os laticínios inclusos em sua dieta para que tenham um bom desenvolvimento, mas os adultos não devem descuidar, principalmente, os idosos, que precisam de um reforço para manter os músculos e ossos fortes.

Grupo dos Óleos e Gorduras

Manteiga Gordura

Os alimentos que possuem óleos e gorduras concentram maior energia do que os carboidratos e as proteínas. Porém, essa energia é armazenada na forma de tecido adiposo e, por isso, deve-se ter muito cuidado. É recomendado, pelos nutricionistas, consumo moderado de tudo que contenha essas substâncias, como manteigas, maionese e creme de leite, por exemplo.

Grupo dos Açúcares e Doces

Estão presentes no topo da pirâmide, juntamente com os óleos e gorduras. São formados pelos açúcares e doces e devem ser consumidos em menor quantidade. Em muitos casos são retirados da dieta, principalmente quando o indivíduo possui diabetes. Eles são altamente calóricos e podem ser exemplificados pelos seguintes alimentos: açúcar, mel e doces em geral.